DEFININDO O DIGITAL

O que é Negócio Digital?

Negócios digitais utilizam a tecnologia para agregar novos valores aos modelos de negócios, experiências do cliente e as capacidades internas que dão suporte a suas principais operações. Este conceito abrange tanto empresas que apenas existem no meio digital como aquelas mais tradicionais, que estão em processo de transformação a partir das tecnologias digitais.

O Crescimento da Economia Digital

Atualmente, as pessoas estão gastando mais dinheiro no mundo online, o que voltou o olhar das empresas para fontes digitais de receita e canais digitais. O crescimento desta economia tem feito com que a população fique mais familiarizada com serviços e produtos digitais, o que tem levado as empresas a procurar novas vantagens competitivas no espaço digital.

Mas os negócios digitais vão além da venda online; de acordo com a Accenture, “Negócios digitais criam diferenciais baseados em combinações únicas de recursos digitais e físicos. Eles fazem coisas que outros não podem, criando vantagens competitivas.”

Veja também: Liferay DXP Business Overview: Customer Experience

Elementos em comum nos Negócios Digitais

Há vários pontos de vista de especialistas do setor sobre a definição exata de negócio digital. O Gartner diz que se trata da criação de novas cadeias de valor e oportunidades de negócio que as empresas tradicionais não podem oferecer. McKinsey enfatiza que "O digital deve ser visto menos como uma coisa e mais como uma maneira de fazer as coisas."

A maioria das empresas digitais se encaixam em uma ou ambas visões; elas se concentram na criação de valor para novas fronteiras para o seu core business, ou utilizam a tecnologia digital para impulsionar o crescimento, receitas e desempenho de formas até então impossíveis com os modelos tradicionais.

Pode ser útil para as empresas reverem os elementos comuns aos negócios digitais e compará-los com os seus próprios modelos de negócio. Estas são algumas das tendências que diferenciam o digital de processos tradicionais:

  • Utilizar tecnologias existentes para reduzir custos, reunir dados e prover uma melhor experiência para o cliente. Negócios digitais focam nas vantagens competitivas adquiridas a partir da tecnologia, reduzindo a sobrecarga ou fornecendo um novo valor aos seus clientes
  • Incorporar o conceito de transformação digital e as mudanças culturais que ela requer. A implementação e gerenciamento de serviços digitais pode demandar uma reestruturação organizacional, especialmente por novas funções serem criadas e por TI participar cada vez mais das decisões estratégicas.
  • Conhecer novos modelos de negócio que posicionam a experiência do cliente no centro da estratégia digital. Frequentemente, as pessoas estão dispostas a gastar mais, caso tenham uma experiência excepcional, tornando-se um diferencial importante na economia digital. Modelos de negócios que focam na satisfação do seu público irão caminhar para os serviços digitais, uma vez que o digital é cada vez mais a experiência que as pessoas preferem.
top curve

Negócios digitais estão mudando a maneira como organizações usam e pensam sobre tecnologia, passando de um instrumento de suporte para algo fundamental para a inovação, receita e crescimento do mercado.

bottom curve

Negócios Digitais vs. E-Business

Negócios digitais focam em como a tecnologia permite às empresas criarem novos valores e experiências que diferenciam empresas e promove vantagem competitiva sobre seus concorrentes.

Negócios digitais são diferentes de e-business, uma vez que esse normalmente não modifica modelos de negócios já existentes, apenas usando a tecnologia para ganhar eficiência ou eliminar redundâncias. Possibilitar que clientes preencham um formulário online de solicitação de cartão de crédito reduz as ineficiências do processo de requerimento em papel, mas não fornece uma experiência nova ou diferente. "Negócios digitais focam em como a tecnologia permite às empresas criarem novos valores e experiências que diferenciam empresas e promove vantagem competitiva sobre seus concorrentes."

Exemplos de Negócios Digitais

Uber aproveitou a adoção generalizada de smartphones e utiliza um modelo de negócio que lhes permite manter um uso relativamente baixo de capital. Uma empresa de táxi tradicional deve possuir e realizar manutenção dos veículos, bem como contribuir consideravelmente no recrutamento e gerenciamento dos funcionários; uma versão e-business permitiria que os clientes agendassem um táxi online e, talvez, ver seu histórico de viagens, mas a essência da experiência permaneceria a mesma.

O Uber assegura sua identidade como negócio digital porque é, em sua essência, uma plataforma que conecta pessoas e motoristas em grande escala através da internet, criando uma experiência melhor do que a anteriormente disponível para as pessoas.

Netflix é um bom exemplo de uma empresa que mudou de e-business para negócio digital. Originalmente, a Netflix usava a tecnologia para gerenciar um sistema de inventário e envio de DVDs para as pessoas, proporcionando uma experiência que era mais conveniente, mas bastante semelhante às locadoras de filmes.

No entanto, ao disponibilizar aos clientes a opção de streaming de vídeo sob demanda, ela transformou a maneira como as pessoas veem vídeos e programas de televisão. A capacidade de consumir filmes e programas em qualquer momento ou lugar é impossível sem o acesso generalizado à Internet.

Disney é um negócio tradicional que abraçou a tecnologia digital, a fim de melhorar as experiências em seus parques temáticos. O objetivo da sua MagicBand, uma pulseira que usa RFID e rádio para se conectar a sensores no parque, é melhorar os cinco elementos-chave que fazem parte de cada experiência nos parques: ir para uma atração, ficar em um hotel, jantar em um restaurante, tirar uma foto e enviá-la para amigos ou família, e compra de souvenirs como uma lembrança.

Os hóspedes recebem a MagicBand algumas semanas antes da visita e podem usá-la para entrar no parque, comprar comida ou produtos, reservas de atrações, e acessar dados em tempo real sobre os tempos de espera. No final do dia, os hóspedes têm uma experiência que se adapta bem ao digital e físico.

Como começar

Muitas características de negócios digitais coincidem com o conceito de transformação digital, que adota um foco centrado no cliente para orientar a aplicação das tecnologias digitais em sistemas operacionais e modelos de negócios. Negócio digital é o objetivo final, e transformação digital é o processo que as empresas passam para chegar lá.

O Gartner também identificou seis etapas fundamentais para construir um negócio digital. Devido a necessidade do negócio digital requisitar mudanças organizacionais profundas, o trabalho que precisa ser feito pode rapidamente tornar-se inviável. Identificar prioridades e metas irá claramente ajudar as empresas a aproveitar ao máximo os conselhos e as melhores práticas online disponíveis atualmente.